santafe.gob.ar/noticias

Santa Fe continua afiançando laços com a Itália

O vice-governador Carlos Fascendini, recebeu em Rosario, uma delegação de autoridades e diplomatas do país europeu.

La provincia O vice-governador Carlos Fascendini, recebeu em Rosario, uma delegação de autoridades e diplomatas do país europeu.

Miércoles 9 de noviembre de 2016 O vice-governador de Santa Fe, Carlos Fascendini recebeu, nesta quarta-feira, em Rosario, a visita protocolar de uma delegação italiana encabeçada pela embaixadora da Itália na Argentina, Teresa Castaldo e o subsecretário de Assuntos Exteriores desse país, Vincenzo Amendola.

“ O encontro se realizou no marco das visitas que a delegação realizou à Nação e as diferentes províncias argentinas, no intuito de dar continuidade aos convênios de colaboração existentes e a possibilidade de estreitar novos laços, os que Santa Fe já possui, mas estamos dispostos a potenciar”, explicou Fascendini.

Na oportunidade, o vice-governador informou aos visitantes respeito às duas missões comerciais realizadas por Santa Fe a Itália, a primeira chefiada pelo próprio Fascendini, durante a qual a província de Santa Fe subscreveu um acordo bilateral de colaboração com o Concílio Regionale de Friuli-Venezia Giúlia. Entanto que recentemente, foi uma missão técnica e comercial do Ministério da Produção e a Câmara de Comércio Italiana, local para estreitar os vínculos das PYMES do setor lácteo santafesino com o labor que desenvolve o setor leiteiro nesse país europeu.

Do encontro, que teve lugar no gabinete do vice-governador, na sede local do Governo, participaram, além do mais, a diretora de Cooperação Internacional e Integração, Cecília Vanadía, o Cônsul Geral da Itália, Giuseppe D’Agosto, e os Conselheiros Bellantone Doménico, Martin Lorenzini e Fábio Porta, dentre outros .

Alcançou êxito a missão ao Chile, que encabeçou o governador Lifschitz, acompanhado de empresas santafesinas.

“ Nós viemos aqui a procurar ocasiões propícias para o empresariado santafesino - se quisermos dar uma oportunidade às alternativas existentes - de encontrar novos mercados”, alegou o governador, acompanhado por 25 empresários da província. Se desenvolveram encontros e rodadas de negócios.

O governador de Santa Fe, Miguel Lifschitz, viajou encabeçando uma missão comercial e institucional, nesta terça-feira a Santiago do Chile, com o propósito prioritário de consolidar vínculos econômicos e comerciais entre Santa Fe e o país trás andino, a partir da procura de encadeamentos produtivos e novas oportunidades de negócios.

Desde a primeira entrevista e ao longo de toda a jornada, se desenvolveu uma importante agenda que incluiu rodadas de negócios, visitas a empresas e reuniões com o Ministro da Agricultura do Chile, Carlos Furche, com a Sociedade de Fomento Fabril (Sofofa), uma associação ou agremiação de empresas e grêmios, do setor industrial chileno. Igualmente, manteve uma reunião na “Casa da Moneda”, com o Vice Presidente do Chile, Mario Fernández, em função da presidência, em ausência de Michelle Bachelet, circunstancialmente no exterior do país.

O governador explicou que, “se tratou de uma missão institucional e com empresários, organizada em forma conjunta com a Embaixada Argentina no Chile, com o fim de estreitar vínculos comerciais, explorar possibilidades de encadeamentos comerciais e encontrar vias comerciais dirigidas a terceiros países”.

Ele manifestou que, “foi uma missão bem sucedida, com uma agenda muito carregada de reuniões com funcionários do alto nível do governo e com a Câmara de Comércio mais importante do país”, descreveu Lifschitz e disse que, “ viemos procurar alternativas que nos permitam maiores opções de negócios, aos empresários santafesinos, no intuito de encontrar mercados novos. Todas as reuniões têm sido importantes, que consolidam a nossa relação com o Chile e temos a convicção de que nos achamos no rumo correto”.

No transcurso da reunião com o Ministro da Agricultura do Chile, foi combinada a criação de uma comissão técnica de trabalho para, “ assim chegar até a próxima reunião binacional prevista para 16 de dezembro, com uma proposta concreta em relação à província de Santa Fe”, antecipou Lifschitz.

Entretanto, durante a reunião com a Sofoba, o governador deu aos anfitriões pormenores de Santa Fe, de suas características geográficas e produtivas. “É uma província sólida, com muitas oportunidades para o desenvolvimento de investimentos, uma grande potencialidade de se vincular com outro país. Nós achamos que é uma oportunidade ótima de integração da Argentina com o Chile”, assinalou Lifschitz.

NA CASA DA MOEDA
O governador Lifschitz, foi recebido na Casa da Moeda pelo Vice Presidente em exercício da presidência do Chile, Mario Fernández, conversaram sobre a relação bilateral e a integração regional. “ Foi um honor o recebimento e a conversa sobre o que pode contribuir Santa Fe em termos de intercâmbio com o Chile”, asseverou o mandatário santafesino . Ele ponderou, “a relação que mantém ambos os países e particularmente a visão que se tem desde o país vizinho sobre Santa Fe.” Da reunião participaram a Prefeita de Rosario, Mónica Fein, o Ministro da Produção, Luís Contigiani, o Embaixador argentino no Chile, José Bordón e o Embaixador chileno na Argentina, José Antonio Viera Gallo. Previamente, a delegação manteve uma reunião com o Vice Chanceler chileno, Edgardo Rivero Martin.

AGRADECIMENTO ÀS EMBAIXADAS
Antes de concluir a jornada, o embaixador argentino em Santiago, ofereceu, na sede diplomática, uma recepção à delegação santafesina. Nesse momento o governador Lifschitz agradeceu a José Bordón pelo acompanhamento durante a jornada toda e as palavras de elogio para com província de Santa Fe, nas diferentes reuniões mantidas. Da mesma forma, Lifschitz destacou a estreita relação que mantém com o Embaixador chileno na Argentina, José Antonio Viera Gallo, e mesmo assim, agradeceu sua predisposição e permanente colaboração para contribuir na organização da missão.

A logística e planificação da viagem se realizou através da Secretaria de Relações Internacionais do Ministério do governo e Reforma do Estado, a Subsecretaria de Comércio Exterior do Ministério da Produção, em forma conjunta com a Embaixada do Chile na Argentina e a Embaixada da Argentina no Chile.

A delegação que acompanha o governador está composta por 25 instituições e empresas da província, a Prefeita Fein; o Ministro Contigiani; a Deputada provincial, Clara García; a Secretária de Relações Internacionais e Integração, Maria Julia Reyna; o Subsecretário de Comércio Exterior, Carlos Braga; a Diretora da Agência Santafesina de Investimentos e Comércio Internacional, “Santa Fe Global”, Débora Marini, dentre outros.

A Missão têm de continuar nesta quarta-feira com a participação dos empresários santafesinos e o Ministro da Produção.

INSTITUIÇÕES E EMPRESAS PARTICIPANTES
- Cámara de Comercio Chileno Argentino del Litoral

- Nuevo Banco de Santa Fe

- Banco Municipal de Rosario

- Colegio de Ingenieros Agrónomos de Santa Fe

- Polo Tecnológico de Rosario

- DYENA SRL, Rodolfo Simoré

- AMIPACK S.A.

- Estancia Maria Cristina

- Alimentos Tahona

- Amorelli S.R.L.

- RODEG S.A.

- RIGATOSSO Esteban e Hijos S.A.

- Fimaco S.A.

- MENINI S.A.

- Diagrama S.A.

- Carlos Boero S.A.

- Desinmec Ingenieria

- Ipanco S.R.L.

- Sancor

- Mattievich S.A.