santafe.gob.ar/noticias

Com o objetivo de potenciar investimentos na província, Lifschitz se reuniu com empresários franceses em Rosario

O embaixador na Argentina, Pierre Henri Guignard, encabeçou a delegação gala. A integração com a União Europeia também esteve na agenda.

La provincia Com o objetivo de potenciar investimentos na província, Lifschitz se reuniu com empresários franceses em Rosario

Jueves 16 de febrero de 2017 O governador de Santa Fe, Miguel Lifschitz, recebeu na quinta-feira em Rosario uma delegação de empresários franceses encabeçada pelo embaixador da França na Argentina, Pierre Henri Guignard. Investimentos em Santa Fe e integração com a União Europeia foram os temas principais da reunião.

"Estamos em uma etapa de mudanças e incertezas na Argentina mas também no mundo inteiro, já que todos os países estão vivendo profundas transformações em suas economias", analisou Lifschitz, pelo que considerou "muito importante" o encontro desenvolvido na sede local do Governo. Nesse marco, ressaltou que a província de Santa Fe "tem perspectivas positivas com a estratégia de reinserção da Argentina no mundo".

O governador explicou, aliás, que compartilha “a vontade de integrar o Mercosul e a Aliança do Pacífico e, do mesmo modo, poder estabelecer o marco de acordo com a União Europeia, algo que foi demorado vários anos pelo governo nacional anterior e ocasionou mais prejuízos que benefícios. Por isso, esta é uma nova oportunidade de voltar a incluir o tema na agenda e avançar positivamente”.

"Santa Fe é uma província com uma estrutura produtiva sólida e diversificada –afirmou Lifschitz ao iniciar a reunião-, e todos os setores da economia têm escala e competitividade no marco da economia do país. Estamos perante uma grande oportunidade de acrescentar valor a nossa produção, dar-lhe maior competitividade a nossas empresas, de ganhar maiores espaços no plano internacional e, ao mesmo tempo, atrair investimentos estrangeiros que possam desenvolver-se na província ou analisar e acompanhar o esforço de empresas já radicadas em Santa Fe, como algumas das que vocês representam", salientou.

Nesse ponto, mencionou a criação da Agência Santafesina de Investimentos e Comércio Internacional (Santa Fe Global), “com a ideia de ter um organismo ágil e dinâmico, profissional e moderno, para desenvolver uma política ativa de atração de investimentos e também de desenvolvimento do comércio internacional para nossas empresas”.

Finalmente, o mandatário provincial explicou à delegação de empresários franceses que o governo santafesino "está focado na construção de um modelo de desenvolvimento sustentável baseado, fundamentalmente, na integração das cadeias de valor, no agregado de valor e de trabalho santafesino a nossos produtos e em um desenvolvimento equilibrado em todo o território provincial", ao tempo que apontou que "a província está em condições de pensar num processo de desenvolvimento no marco do país, mas com muita autonomia na província".

O governador esteve acompanhado no encontro pela secretária de Estado da Energia, Verónica Geese, a secretária de Relações Internacionais, María Julia Reyna; secretário da Fazenda, Pablo Olivares; o secretário de Transporte, Pablo Jukic; e o secretário da Indústria, Emiliano Pietropaolo, entro outros, sendo a delegação francesa encabeçada pelo embaixador Guignard estuvo integrada pelo chefe dos Serviços Econômicos no Cone Sul, Christian Gianella; o conselheiro de cooperação e ação cultural, e diretor do Instituto Francês, Yann Lorvo; o primeiro secretário-conselheiro político, Gregory Varennes; o cônsul honorário da França em Rosario, Emilio Maisonnave; a diretora geral da Câmara de Comércio e Indústria Franco Argentina, Liliana Hidalgo. Entre os empresários presentes estiveram na reunião representantes das firmas Louis Dreyfus Commodities, Lactalis, Litoral Gas, Soletanche-Bachy, Kuhn Montana, Carrefour, Veolia e Patelin Conseil.